Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

24
Jun19

Trem-Bala, Ana Vilela

Charneca em flor

Há muito que tentava identificar esta música e, finalmente, consegui. Hoje trago Ana Vilela e a sua música "Trem-Bala". A letra diz tudo, a vida é muito rápida; "Também não é sobre correr contra o tempo pra ter sempre mais
Porque quando menos se espera a vida já ficou pra trás"

Atentem na letra e sigam o conselho:

"Segura teu filho no colo
Sorria e abrace teus pais enquanto estão aqui
Que a vida é trem-bala, parceiro
E a gente é só passageiro prestes a partir"

 

24
Jun19

Noite de São João

Charneca em flor

Ontem foi noite de São João e, no ano passado, vivi uma grande aventura que não cheguei a contar por aqui. Eu e o A. apanhámos o expresso, fomos até ao Porto para irmos ao São João e voltámos na manhã seguinte, no primeiro expresso. Compreenderam bem, foi uma directa. Não foi fácil mas valeu a pena. Tenho imensa pena de não estar lá este ano.

IMG_20180623_213141.jpg

Foi inevitável comparar o São João do Porto com o Santo António em Lisboa. Achei completamente diferente. Devo dizer que gostei muito do ambiente do Porto, acho até que prefiro a noite de São João à noite de Santo António. No Porto parece que há mais interacção entre as pessoas, o ambiente parece mais familiar mesmo com muitos turistas. Talvez seja por causa da tradição das marteladas que se distribuem indiscriminadamente. Foi muito engraçado. O A. é muito alto e as crianças pediam-lhe para ele baixar a cabeça para lhe poderem dar uma martelada. Achei o máximo. Até os polícias levavam marteladas. 

20190624_001128.jpg

Aquela ali da mochila de ganga, sou eu a escolher o melhor martelinho

Jantámos em Vila Nova de Gaia, no Mercado Municipal Beira-Rio, e comemos uma francesinha. Durante o jantar, fomos surpreendidos pelo Primeiro-Ministro que andava por ali a desejar "Bom São João". Não tive foi tempo de lhe dar uma martelada .

O fogo-de-artifício é, realmente, fantástico. O cenário é maravilhoso, com a Ponte Luís I e o reflexo do fogo no Rio Douro. Absolutamente fantástico. Depois dos quase 20 minutos de fogo-de-artifício, outra aventura é passar a ponte de Gaia para o Porto. Devemos ter ficado mais tempo à espera de atravessar a Ponte Luís I do que o tempo do fogo. Era um mar de gente à espera de passar. Quando chegámos, finalmente, à ponte ainda nos aconteceu uma coisa curiosa. De repente, começo a sentir as pernas a tremer, tipo gelatina. Ainda pensei "Mas eu só bebi 2 cervejas!". Eis que percebo que todas as pessoas avançam com alguma dificuldade. Era devido à trepidação provocada pelas muitas pessoas que atravessavam a Ponte Luís I.

Ainda passámos por alguns arraiais mas não seguimos a tradição de acabar a noite na Foz como fazem os portuenses. Tínhamos que voltar para casa.

Foi uma noite memorável. Talvez a volte a repetir. Quem sabe?!

IMG_20180623_215633.jpg

Bom feriado de São João, a quem o tiver. E bom dia de trabalho para todos os outros.

 

 

23
Jun19

45 anos, 45 dias, 45 factos #30

Charneca em flor

Sempre gostei de ler e já fui uma leitora complusiva. Agora leio mais lentamente mas continuo a ser apaixonada por livros. Já tentei contá-los mas quando cheguei aos 100, desisti. Presumo que tenha entre 100 a 200 livros espalhados por vários sítios. A minha mãe diz que quando entra na minha casa, só se vêem livros por todo o lado. Não é bem verdade. Acho que não tenho nenhum nas casas de banho... por enquanto.

23
Jun19

Foto da semana #25

Charneca em flor

Este semana começou o Verão mas ninguém avisou o . Mesmo com as temperaturas pouco elevadas, adquiri um guilty pleasure nas últimas semanas. E esse pequeno prazer está ilustrado na foto desta semana

IMG_20190621_124707.jpg

Há 2 cafés com gelados Carte d' Or perigosamente perto do meu trabalho. Aqui pode-se ver uma bola de gelado com sabor a marshmallow que me faz lembrar os gelados das feiras da minha infância. Outro prazer, já antigo, é a leitura. Agora estou a ler este livro que me aconselharam. Filipe Homem Fonseca traz-nos um romance que se passa no bairro da Graça em obras permanentes e em que os seus habitantes quase que são engolidos pela nova realidade de uma cidade que tem estado na moda nos últimos anos.

 

22
Jun19

45 anos, 45 dias, 45 factos #29

Charneca em flor

Sou grande adepta de me vestir a fazer pandã. Cheguei a ter uma túnica, uma mala, uns sapatos e uns brincos, tudo da mesma cor... verde alface . Agora, que já não é "obrigatório" que a mala seja exactamente da mesma cor dos sapatos, arranjo sempre maneira de ter qualquer coisa, nem que seja um pormenor, a fazer pandã. Por exemplo, os sapatos serem da mesma cor das calças ou serem uma variação da cor da blusa. Ou a conta da pulseira da Pandora tem que ser da mesma cor da flor da echarpe. Manias .

21
Jun19

Vamos ajudar o Miguel

Charneca em flor

Ontem, Dia Mundial do Refugiado, o talk show 5 para a Meia Noite, da RTP, fez verdadeiro serviço público ao convidar Miguel Duarte para abrir o programa. Filomena Cautela provou, que para além das partidas divertidas que costuma fazer aos convidados, também pode falar de assuntos sérios. Miguel Duarte é um dos jovens que colaborou com uma organização humanitária de salvamento no Mediterrâneo. Agora foi constituído arguido, pelas autoridades italianas, com acusação de auxílio à emigração ilegal e pode ser processado enfrentando uma pena possível de 20 anos. Este jovem português, da Azambuja, pode ser preso por salvar vidas humanas. É um contrassenso.

Os governos que recusam, agora, prestar auxílio aos refugiados é que cometem uma clara violação da Declaração Universal dos Direitos do Homem. Há, realmente, quem esteja a ganhar dinheiro com esta tragédia humanitária mas não são as organizações humanitárias. Este problema devia ser evitado nos países de origem. Como isso não tem sido feito, se as pessoas já estão em perigo no Mar Mediterrâneo não se podem deixar entregues à sua sorte. Estas organizações humanitárias deviam ser aplaudidas e não processadas.

Da organização à qual pertence Miguel Duarte estão a ser investigadas 10 pessoas. A equipa de advogados estima que a defesa destas pessoas possa custar, pelo menos, 500 000 €. Estão a ser organizadas campanhas de angariação de fundos em vários países. Se quiserem contribuir é aqui. Em Portugal, as doações já ultrapassaram, e muito, as projecções iniciais. Ainda bem. Continuamos a provar que somos solidários.

 

#eufariaomesmo

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Blogs de Portugal