Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

09
Nov14

O surto é já ali

Charneca em flor

 

Desde sexta-feira que o país vive um invulgar surto da Doença do Legionário, uma infecção provocada pela bactéria Legionella pneumophila. Até agora, o surto está, praticamente, circunscrito a algumas freguesias do concelho de Vila Franca de Xira. Está a muito poucos quilómetros do meu local de trabalho e, apesar de eu não pertencer aos grupos de risco (fumadores, doentes com problemas respiratórios ou com alguma debilidade imunitária), o assunto preocupa-me. Ninguém gosta de ter uma doença potencialmente mortal à porta. As autoridades de saúde estão em campo para investigar a origem deste surto mas ainda devem demorar a apresentar resultados palpáveis. Muitas vezes nunca se chega a perceber a origem dos surtos. Na tarde de sexta-feira, quando se começou a ouvir falar do caso, a população entrou em pânico e invadiu as superfícies comerciais para comprar água engarrafada porque se suspeitava de algo transmitido pela ingestão de água. Felizmente veio-se a comprovar que o agente responsável pela infecção, apesar de existir na água, não se transmite pela ingestão de água mas sim por aspiração de gotículas de água infectada. Essas gotículas podem vir de aparelhos de ar condicionado, de piscinas, de repuxos ou dos chuveiros, por exemplo. A Direcção Geral de Saúde tem um microsite da Doença do Legionário onde presta todas as informações necessárias. Uma das coisas que diz ali é que esta é uma doença da civilização porque a existência de variadíssimos reservatórios artificiais de água onde a bactéria se pode manter, desenvolver e transmitir-se facilmente. Tem a sua lógica mas será que faz mesmo sentido que estas situações continuem a acontecer? Será que a água com que contactamos é verdadeiramente segura? Será que um dia vamos enfrentar uma doença transmitida pela ingestão de água e aí será muito mais dramático? 

Este surto também servirá para perceber se o Sistema Nacional de Saúde está preparado para lidar com situações complicadas. Esperemos que sim.

Aqui pode-se encontrar os anteriores surtos de Doença do Legionário no mundo. O maior de que há memória foi em Espanha, na cidade de Múrcia, e afectou cerca de 800 pessoas.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Blogs de Portugal