Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

27
Jan16

Governo italiano censura estátuas atrevidas

Charneca em flor

Ridículo e inadmissível! São as palavras que me ocorreram quando vi as notícias sobre a visita do Presidente do Irão a Roma. Então parece que, por "respeito" ao Presidente do Irão, as estátuas de nus dos Museus Capitolinos foram tapadas. Esta submissão do Ocidente à cultura árabe incomoda-me. Quer dizer nós é que temos que respeitar a cultura de quem nos visita?! Não deveria ser o contrário?! Será que ele respeita a cultura ocidental? Se as estátuas o ofendiam, ele que não olhasse para elas, ora essa. Para além disso, também não foram servidas bebidas alcoolicas nos jantares oficiais. Qual é que era o problema de servirem bebidas alcoolicas? Ninguém o obrigava a beber. 

Quanto a mim, quem é visita é que deve respeitar os hábitos daqueles a quem visita. Por exemplo, se eu for convidada para jantar em casa de alguém que não tenha o hábito de comer sopa, tenho que respeitar isso por muito que seja importante para mim comer sopa. Ou vou telefonar antes para dizer que só vou lá jantar se houver sopa?! Claro que não.

Eu já visitei um país árabe, embora dos mais moderados, Marrocos (pelo menos na altura) e tentei respeitar a cultura desse país, dentro da medida do possível. Não andei lá de calções nem de grandes decotes. Nem entrei pelas mesquitas adentro, logicamente. A mim ofendeu-me ver as mulheres árabes de burqa mas tinha de as respeitar. Será que se o Primeiro-Ministro italiano visitasse o Irão iria exigir que as mulheres vestissem roupa ocidental? Havia de ser bonito.

É claro que não é de desprezar o facto de o Senhor Presidente ter ido a Itália fazer negócios no valor de 17 mil milhões de euros. O dinheiro, sempre o dinheiro.

24
Jan16

Marcelo sucede a Cavaco

Charneca em flor

imagem daqui

Faltava 25 minutos para as urnas encerrarem quando eu exerci o meu dever de não engrossar a abstenção. Até ao último momento é possível, basta que as pessoas tenham vontade. Mais uma vez a vencedora foi a abstenção. 51,22% dos eleitores optaram por não ir votar. Obviamente que haverá uma margem de erro devido à desatualização dos cadernos eleitorais mas mesmo assim há uma imensa maioria (4.912.461 dos eleitores) que não liga às eleições ou então deixaram de considerar que o seu voto conta. Os políticos não têm sabido atrair as pessoas, antes pelo contrário. Mesmo os candidatos desalinhados com os partidos não conseguiram mobilizar as massas.

Marcelo Rebelo de Sousa foi a escolha de 52,11% daqueles que se deslocaram às secções de voto. O seu dircurso de vitória foi no átrio da Faculdade de Direito onde era, até agora, professor. Fez-se esperar e teve uma entrada apoteótica rodeado de seguranças. Ao contrário do que é hábito, o discurso não foi improvisado. Estava com um ar mais solene, já institucional. Aproveitou para falar de consensos, da necessidade de estabilidade e dos tempos difíceis que se avizinham.

O PS foi um dos derrotados da noite como seria de esperar ao haver 2 candidatos ligados ao PS mas sem serem claramente apoiados pelo partido. Mesmo assim, o resultado de Sampaio da Nóvoa até nem foi mau tendo em conta que há poucos meses era quase um desconhecido. Maria de Belém teve, também, um péssimo resultado. Outro grande derrotado foi o PCP já que o seu candidato só atingiu 3,91% da votação. O PCP tem que repensar as suas acções, talvez refrescar a imagem. Quem sabe arranjar uns candidatos mais jovens, por exemplo. O que leva a outro vencedor nesta noite, o Bloco de Esquerda. Marisa Matias conseguiu 10,12% dos votos ficando à frente de Maria de Belém. Tal deve-se, na minha opinião, à sua imagem fresca, à sua mensagem, à sua reconhecida competência política. A direcção do BE tem sido inteligente nas escolhas que faz e na maneira como se apresenta ao eleitorado. 

Outro dado a reter, e que devia fazer pensar os políticos, é o facto de Vitorino Silva, o Tino de Rans, ter sido escolhido por quase 150 mil pessoas. Há distritos em que ficou à frente de Edgar Silva e mesmo de Maria de Belém. Um candidato que foi muitas vezes ridicularizado e que até participou, no passado, num reality show. Mais uma prova de que os portugueses estão desiludidos com os políticos habituais.

 

P.S. - Uma das melhores frases da noite: "Marcelo quer ser o Presidente Betadine" por André Macedo na Hora Seguinte da RTP

24
Jan16

Snowzilla

Charneca em flor

Imagino que a maioria dos americanos não acharam muita piada à Tempestade Jonas  mas esta queda de neve proporcionou imagens maravilhosas.

 Central Park, New York

 

Times Square, New York

 

 

 

 Capitólio, Washington

 

 Jardim Zoológico de Nova Iorque

 

A maior tempestade de neve dos últimos anos atingiu a costa leste dos EUA nas últimas horas colocando 11 estados em estado de emergência. O pior já passou mas cerca de 8 milhões de pessoas continuam sem poder sair de casa uma vez quer os transportes públicos quer as estradas foram encerradas como medida de segurança. Os emigrantes portugueses nem vão poder ir aos consulados, hoje, para votar tendo este acto sido adiado para o próximo fim-de-semana. Já morreram 19 pessoas em sequência da tempestade. 

Enfim, a neve é muito bonita mas é vista daqui.

Notícias actualizadas aqui

 

 

 

 

 

22
Jan16

O post que não consegui fazer

Charneca em flor

 

Ontem à noite, quando me preparava para fazer um post, fui confrontada com uma avaria do meu "querido" tablet. O infeliz recusa-se a trabalhar. Quando ligo o botão, o boneco do Android abana-se, abana-se e nada de se ligar. Ele lá foi para o hospital dos tablets para ver se ressuscita e o post que eu pensava fazer ficou sem sentido. Era sobre a campanha eleitoral e os seus "casos" mas tendo em conta que faltam pouco mais de 2 horas para começar o período de reflexão, fica o dito pelo não dito. 

Aproveito, apenas, para dizer que, por mais rídicula que tenha sido esta campanha eleitoral, vão votar. Votem em consciência e quem acham que pode fazer um melhor trabalho. Independentemente da vossa inclinação ser mais à direita, à esquerda ou ao centro, votem. Vamos ver as eleições presidenciais pela positiva, pior que a representação dos últimos 10 anos é impossível.

 

Bom dia de reflexão.

20
Jan16

Almoço de domingo, Taberna do Alfaiate

Charneca em flor

 

No domingo passado foi dia de celebrar o aniversário da minha mãe. O meu namorido sugeriu que fossemos almoçar ao restaurante Taberna do Alfaiate numa aldeia perto do Cartaxo, Lapa. A ideia surgiu depois de ele ter ouvido o programa TSF à Mesa. Ninguém imagina que há um espaço daqueles naquela aldeia. Segundo sei, o restaurante localiza-se numa antiga adega que pertence à mesma família há várias gerações. A sala é pequena mas muito acolhedora. A decoração é muito bonita. Tem um aspecto familiar para o que contribuí o facto de ser necessário tocar à campainha para podermos entrar. Parece que somos visitas e que estamos a entrar numa casa de família. O proprietário é muito simpático e faz-nos sentir muito à vontade. Quando chegamos encontramos já as entradas. Só provámos algumas nomeadamente a salada de polvo, a salada de orelha e os queijos. O pão também era muito bom. Escolhemos o vinho da casa de produção própria e também achámos uma escolha acertada. O proprietário fez algumas sugestões de pratos principais. Como erámos só 3, e já tinhamos comido as entradas, optámos por 2 pratos para dividir. Ficámos com pena de não provar as Migas de Bacalhau, servidas dentro do pão, mas talvez numa próxima oportunidade. Então escolhemos Bacalhau assado com manja, uma espécie de migas de batata, servido numa cama de couves salteadas

2016-01-17 13.20.26.jpg

 e Porco Preto à Padeiro que consiste em pedaços de porco preto assados numa telha de barro.

2016-01-17 13.58.36.jpg

Estava tudo muito bom. Como era um dia especial também comemos sobremesa. A minha mãe comeu Delícia de Amêndoa que tinha óptimo aspecto e eu e o A. dividimos uma mousse de noz. Não cheguei a tirar fotografias às sobremesas, infelizmente.

Para finalizar, ainda tivemos direito a um  gesto de cortesia. Com as sobremesas,foi-nos oferecido um abafadinho caseiro muito, muito bom.

Basicamente, este restaurante é muito agradável. Deve-se chegar cedo ou então marcar mesa porque a sala é mesmo muito pequena. O serviço não é muito rápido mas para um almoço de domingo sem pressas é o ideal. Um segredo bem escondido.

19
Jan16

António de Almeida Santos, 1926-2016

Charneca em flor

 Mais uma pessoa que se foi neste mês de Janeiro. Desta vez foi o histórico socialista António de Almeida Santos. Almeida Santos foi uma figura incontornável da vida política portuguesa já que desempenhou, entre outras, as funções de Ministro por 2 vezes, concorreu contra Cavaco Silva para as eleições legislativas em 1985, foi Presidente da Assembleia da República e consequentemente membro do Conselho de Estado, foi Presidente do Partido Socialista de 1992 a 2001. Agora era Presidente Honorário do PS. A sua actividade política começou em Moçambique onde se estabeleceu como advogado em 1953. Aí foi um importante defensor dos presos políticos. Almeida Santos faz parte da história da nossa democracia. Achei curioso que os jornalistas tenham mencionado que várias pessoas se mostraram chocadas com a sua morte. No entanto, dada a sua idade, 89 anos, a sua morte seria mais ou menos esperada embora não se conhecesse nenhuma doença grave. No domingo, ele ainda esteve numa actividade da campanha eleitoral mostrando o seu apoio à candidata Maria de Belém Roseira, segundo ele estava muito engripado. A mim pareceu-me muito combalido. Afinal foi o seu último discurso e a sua última aparição em público. Que descanse em paz.

 

 

18
Jan16

Acidente com medicamento português

Charneca em flor

Nos últimos dias tem sido notícia um acidente que aconteceu num ensaio clínico que decorria em França envolvendo um medicamento desenvolvido pelo mais importante laboratório português, BIAL. Ontem soube-se que o doente em morte cerebral tinha acabado por falecer. Este infeliz acontecimento chamou a atenção para os ensaios clínicos. Ninguém se lembra, quando toma um simples analgésico ou um medicamento para uma patologia grave, que, para ele chegar a ser comercializado, teve que ser testado exaustivamente. Desses testes fizeram parte inúmeros voluntários sãos. Sem eles nunca seria possível chegar às fases em que se testa os medicamentos em indíviduos doentes.É nos voluntários sãos que se testam os efeitos adversos. Para chegar a esta fase, a chamada fase I, as moléculas foram testadas em modelos laboratoriais e depois em animais. Só depois é que se testa em humanos. Desde que se desenvolve uma molécula até chegar à experimentação em humanos vão muitos anos. E muitos mais até que essa molécula seja transformada num medicamento comercializado. Há moléculas que são investigadas mas que ficam pelo caminho por uma ou outra razão. Não é suposto que um ensaio clínico de fase I tenha um resultado destes. É preciso apurar responsabilidades, se o problema está no medicamento em si, se está na dose (ao que se sabe estes voluntários receberam uma dose superior aos anteriores), se está na concepção do ensaio ou na selecção dos voluntários. Espero, sinceramente, que se venha a perceber o que se passou para podermos continuar a confiar nos medicamentos que tomamos.

Uma palavra de agradecimento a todos os voluntários sãos ou doentes que colaboraram em inúmeros ensaios ao longo dos anos e que contribuíram para que todos nós tenhamos acesso a medicamento eficazes e seguros.

Nota: A BIAL é um dos mais conceituados laboratórios portugueses; já não há muitos; tendo intervenção pública e social já que patrocina o Museu da Presidência da República Portuguesa, por exemplo. Os laboratórios BIAL fundaram a Fundação BIAL, em conjunto com o Conselho de Reitores das Universidade Portuguesas, com o objectivo de incentivar o estudo científico do ser humano. A Fundação atribuí o Prémio BIAL que premeia a investigação básica e clínica e atribuí bolsas de investigação científica no âmbito do estudo neurofisiológico e mental do ser humano.

 

 

17
Jan16

Instantes de um sábado de sol

Charneca em flor

 

 

Ontem esteve um maravilhoso dia de sol apesar de estarmos em Janeiro. Foi assim que eu aproveitei o meu sábado

 

IMG_20160116_101948.jpg

Café na esplanada 

20160116_105921-1.jpg

 

Primeira caminhada pela praia do ano

20160116_144014.jpg

 

Ajudar o A. na correcção dos testes

 

20160116_151845.jpg

 

Contemplar o mar perto da Cova do Vapor

20160116_152455.jpg

 

Ainda na Cova do Vapor

  

20160116_162416.jpg

 

Uma das minhas praias preferidas

 

20160116_163237.jpg

 

O "calçadão" da Costa de Caparica

 

20160116_172202.jpg

 Tentar acabar o casaquinho de tricot antes que nasça o meu "sobrinho" T.

 

20160116_172716.jpg

 Pôr a leitura em dia

 

 

 

 

 

 

 

 

15
Jan16

Assunção Cristas, candidata

Charneca em flor

A ex-ministra da Agricultura anunciou, ontem, a sua candidatura à direcção do CDS/PP.

Quer sejamos do mesmo quadrante político ou não, é de valorizar o facto de estarem a aparecer mais mulheres na política portuguesa. Temos 2 candidatas à Presidência da República, as mulheres são cerca de metade dos deputados e não podemos esquecer o papel desempenhado por 2 mulheres do Bloco de Esquerda no passado recente, Catarina Martins e Mariana Mortágua. Esta última deu nas vistas numa área habitualmente associada aos homens, a Economia. Normalmente as poucas mulheres que apareciam na política estavam mais ligadas a temas sociais ou de Saúde.

Assunção Cristas chamou a atenção do líder, já histórico, do CDS/PP, Paulo Portas pelas suas intervenções públicas a propósito do último referendo ao aborto. E foi depois disso que apareceu ligada ao partido, é militante desde 2007. Em 2011, tornou-se ministra do superministério da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território. Aquando da remodelação governamental de 2013 perdeu o Ambiente e o Ordenamento do Território. Deu também nas vistas por ter sido a primeira ministra da nossa história a engravidar durante o mandato. 

A visão feminina da vida faz falta na política. Segundo esta notícia, ela tem uma resposta típica para quando lhe perguntam quem fica a tomar conta dos filhos quando ela exerce funções públicas: "é o meu marido e a minha mãe ajuda". De certeza que ninguém pergunta o mesmo a um homem, pois não?

Por enquanto, ainda não há outro candidato. Desejo que Assunção Cristas continue a ser uma mulher de sucesso na vida política. O panorama nacional bem que precisa de uma lufada de ar fresco.

 

13
Jan16

110 anos da Livraria Lello

Charneca em flor

O dia está quase a acabar mas ainda vou a tempo de celebrar os 110 anos da Livraria Lello, uma livraria lindíssima da Cidade Invicta. É considerada a mais bela livraria do mundo por várias personalidades e entidades como o jornal The Guardian ou o guia de viagens Lonely Planet. E quem sou eu para discordar. Ora verifiquem lá

 

 

P9070129-Edit-550x733.jpg

 

 

beautiful-bookstore-world-porto-lello-irmao-1.jpg

 

 

livraria-lello-e-irmão-wikimedia-9.jpg

 

 

Linda, não é? Mais do que um estabelecimento comercial é um testemunho histórico. Já lá estive à porta mas não cheguei a entrar com grande pena minha.

Segundo se sabe, J. K. Rowling, autora da saga Harry Potter, era cliente assídua da Livraria Lello tendo mesmo inspirado-se na belíssima escadaria da Lello para descrever a escadaria de Hogwarts. A Livraria Lello bem podia servir de cenário a inúmeras histórias. Um lugar a visitar.

Pág. 1/3

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Desafio

Desafio

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Blogs de Portugal