Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

26
Fev22

Mundo, um lugar estranho e triste

Guerra da Ucrânia

Charneca em flor

Afinal, a guerra avançou mesmo. Nunca imaginei que o séc. XXI  fosse palco de uma guerra na Europa. Em toda esta situação, ninguém é inocente. O primeiro culpado é Vladimir Putin mas o Ocidente também não fica bem na fotografia. Os Estados Unidos da América, por exemplo, alimentaram este conflito mas, agora, deixaram a Ucrânia completamente sozinha contra o seu vizinho beligerante.

A Ucrânia estava em fase de aproximação ao Ocidente e isso, para a Rússia, tornou-se imperdoável. Para mim, a Ucrânia tinha todo o direito de fazer as alianças que entendesse uma vez que é um país independente mas, infelizmente, a reacção russa era expectável. 

É impressionante assistir à fuga dos ucranianos para os países vizinhos*, ver a destruição das cidades ucranianas (há alvos civis atingidos) e ver aqueles que não conseguiram fugir abrigados em estações de metro e garagens.

Ainda há pouco vi o desespero de um ucraniano que vive fora do país e que foi tentar resgatar o irmão e a família para os levar para outro país mas que viu o jovem irmão impedido de sair do país. Ao abrigo da lei marcial imposta no país, o presidente impôs a mobilização militar geral impedindo a saída de todos os homens, entre os 18 e os 60 anos, de sair da Ucrânia. Se os homens se voluntariassem ainda em todo o caso, mas esta obrigação não me parece correcta. 

O presidente Volodymyr Zelensky mantém-se em Kiev, junto das tropas, apesar de os EUA lhe terem oferecido ajuda para sair do país ao que ele respondeu que precisa de munições mas não de boleia. Temo que vá acabar por ser capturado e morto.

Os outros países viram esta situação prestes a acontecer e tiveram mais que tempo para prepararem a ajuda à Ucrânia. Será que vamos assistir, em directo, ao desaparecimento de um país? E quem garante que Putin ficará por aqui?!

 

*mais de 50 mil pessoas saíram da Ucrânia em 48 horas.

17
Fev22

Tá lá? É o inimigo?

Charneca em flor

Esta situação de quase invasão da Ucrânia pela Rússia, acompanhada pelos órgãos de comunicação social, fez-me lembrar este sketch do saudoso Raul Solnado

Então Vladimir Putin ia invadir a Ucrânia quando está tanta gente a olhar? Faz algum sentido? Será que Putin não estará a fazer bluff com os países ocidentais? Ou a querer ridicularizar os serviço secretos americanos?

13
Fev22

Foto da Semana 7/52

2022

Charneca em flor

Esta semana a foto escolhida é esta onde podem ver os meus jacintos azuis

IMG_20220210_140049_459.jpg

Conseguem sentir o aroma?

A jardinagem, tal como a agricultura, pode ser uma actividade muito agradável mas também muito ingrata. Eu comprei bolbos de jacinto de 3 cores diferentes e plantei-os no mesmo dia em 3 floreiras diferentes. Achava eu que iam florir na mesma altura e que eu ia ter 3 floreiras magníficas. Não aconteceu. Os cor-de-rosa floriram quase 1 semana antes destes azuis e os que faltam, acho que são vermelhos, ainda estão muito atrasados. A natureza faz o que quer e, desta vez, pregou-me uma partida.

Bom domingo.

09
Fev22

Apagão da Vodafone

Charneca em flor

Ontem o dia ficou marcado pelo ataque informático à operadora de telecomunicações Vodafone.

O meu local de trabalho foi muito afectado por esta situação uma vez que a internet que utilizamos é fornecida por esta operadora. As receitas electrónicas não se conseguiram processar até às 18h o que levou alguns utentes a não conseguirem adquirir os medicamentos ou a adquiri-los sem comparticipação quando era possível saber que medicamentos estavam na receita.

Para além de um grande número de farmácias, este ataque afectou serviços essenciais como corporações de bombeiros, bancos, SIBS que gere o sistema multibanco, o INEM e outros serviços de saúde, inúmeras outras empresas e cerca de 4 milhões de clientes particulares.

Quando nos deparamos com essas situações, apercebemo-nos como a nossa vida está dependente das telecomunicações e, principalmente, da internet. Ao longo dos anos têm vindo a lume vários ataques informáticos mas, provavelmente, nem temos conhecimento de todos os ataques informáticos que ocorrem.

Tendo em conta a quantidade de serviços essenciais que foram afectados, este ataque foi, verdadeiramente, criminoso. 

A conclusão que se tira depois do dia de ontem é que é urgente desenvolver competências a nível da investigação do cibercrime e da cibersegurança. E porque não pensar em desenvolver um sistema de telecomunicações alternativo que possa ser activado quando o sistema principal falhe, pelo menos, nos serviços essenciais?

Aliás, a ironia é que, ontem, se assinalava "O dia Internacional da Internet Segura". Terá sido coincidência?!

06
Fev22

Foto de semana 6/52

2022

Charneca em flor

A cidade onde trabalho tem alguns edifícios icónicos decorados com maravilhosos painéis de azulejos.

Não sei se já comentei por aqui que gosto muito de arte urbano seja a mais moderna seja a que se encontra nos painéis de azulejos mais antigos. Para mim, são as 2 faces de uma mesma moeda.

Como dizia, na cidade onde passo os meus dias há bonitos painéis de azulejos na estação dos comboios e no mercado municipal. Quando passo por estes 2 locais, encontro sempre motivos para fotografar. Esta semana foram estas 2 mulheres trabalhadoras que me inspiraram.

IMG_20220203_205215_880.jpg

Bom domingo.

01
Fev22

Quase todos os votos contam...

Excepto os 671 mil votos que foram para o "lixo"

Charneca em flor

Eu sei que já passaram mais de 24 horas desde que se soube os resultados eleitorais das eleições legislativas mas este foi o tempo que levei a reagir a tudo o que se passou.

Há muito tempo que não se vivia uma noite eleitoral tão emocionante. Os resultados foram surpreendentes se tivermos em linha de conta as sondagens que povoaram os órgãos de comunicação nos últimos dias.

Nenhuma projecção previu a maioria absoluta conquistada pelo PS. Aliás, tudo indicava que o PSD vinha num percurso de crescimento ao longo das 2 semanas de campanha a ponto de o líder, Rui Rio, ter dito que António Costa tinha que perder com dignidade.

Embora se esperasse que a CDU e o Bloco de Esquerda perdessem deputados, não se esperava tão grande descalabro já que as ditas sondagens colocavam a CDU, o BE, a Iniciativa Liberal e o Chega em disputa pelo 3o lugar. Afinal, o Chega conquistou o 3o lugar conseguindo um grupo parlamentar de 12 deputados. Em relação ao PAN, ao CDS e ao Livre, as sondagens não andaram longe da realidade.

O que me deixou muito triste foi o facto de a CDU ter perdido 2 deputados que são elogiados por todos os quadrantes políticos. Refiro-me a António Filipe, pelo distrito de Santarém, e a João Oliveira, pelo distrito de Évora, que não foram eleitos. 

A grande ascensão do Chega deixou-me extremamente preocupada embora, devido à maioria absoluta do PS, isso não signifique grande influência na governação nos próximos 4 anos. Provavelmente o medo de que o PSD tivesse que contar com o Chega para governar pode ter empurrado os eleitores para o voto no PS. Esperemos que o facto de o Chega ter este grupo parlamentar contribua para que as pessoas que optaram por este sentido de voto percebam que este partido faz muito barulho mas tem poucas ideias para o país. No entanto, não me deixa nada sossegada saber que existem quase 400 mil portugueses que optaram pelo voto neste partido.

O aumento de deputados da Iniciativa Liberal também nos deve inquietar. Se se privatizasse tudo aquilo que a IL pretendia, será que a grande maioria dos portugueses teriam uma vida melhor?! Ou isso só traria vantagens para alguns?

Veremos o que é que António Costa faz com a carta branca que lhe puseram nas mãos. Acho que nem ele estava a contar com ela.

Resta-me festejar o facto de se ter registado uma maior participação já que a abstenção desceu.

E, já agora, deixo uma pergunta no ar:

- As empresas de sondagens servem para quê? Serão uma forma encapotada de campanha eleitoral? É que, pensando bem, os resultados influenciam directamente o comportamento dos eleitores, ou mobilizando-os para votar ou aumentando a abstenção consoante as projecções que forem sendo apresentadas.

P.S - O meu voto foi um dos que foi para o lixo já que o partido em que votei não conseguiu eleger nenhum deputado pelo meu distrito.

Mais sobre mim

foto do autor

Links

Vale a pena espreitar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Blogs de Portugal

Em destaque no SAPO Blogs
pub