Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

23
Jan21

Dia de Reflexão

Charneca em flor

eleicoes_legislativas_2019_1.jpg

Hoje é dia de reflexão. Já não se compreende a existência deste dia no qual não se pode fazer campanha eleitoral. Em primeiro lugar porque já muitas pessoas votaram antecipadamente no passado domingo e nessa altura a campanha não parou. Em segundo lugar porque qualquer pessoa pode ver as iniciativas dos candidatos vendo as notícias na internet ou utilizando os diapositivos da televisão que permitem ver os blocos noticiosos de ontem. Actualmente, dia de reflexão não tem qualquer lógica.

Neste ano complexo, este dia podia ter sido aproveitado para desdobrar o dia das eleições e evitar os ajuntamentos que se viram no passado domingo.

Entre a classe política e os comentadores de serviço há um medo generalizado de uma acentuada abstenção também ela provocada pelo medo que as pessoas têm da Covid-19.

Aliás, existem vários factores que já não se conseguem alterar que já provocar uma abstenção voluntária. O voto dos emigrantes não foi devidamente acautelado porque nestas eleições não é permitido o voto por correspondência. Os emigrantes que quisessem votar teriam que se deslocar aos consulados que podem ser muito distantes do seu domicílio. Para além disso, temos as pessoas que estão em isolamento por estarem contaminadas com Covid-19 ou por isolamento profiláctico por contacto próximo com casos positivos. As autarquias foram recolher os votos a casa das pessoas mas só se podiam inscrever aqueles cujo isolamento tivesse sido decretado até dia 14 de Janeiro. Tendo em conta a progressão exponencial de casos há milhares de pessoas impedidas de votar. Deveria ter sido prevista esta situação e ter-se continuado a recolher esses votos adiando a divulgação dos resultados, por exemplo. Ou avançar definitivamente com o voto electrónico que permitisse que qualquer pessoa votasse a partir de casa, por exemplo.

Por tudo isto, quem tem a possibilidade de ir votar tem uma responsabilidade acrescida, a meu ver. Se não estás impedido de ir votar, amanhã põe a tua máscara, o teu desinfectante, tua caneta, mantém a distância e vai. Ir votar é tão perigoso como ir ao supermercado mas é igualmente essencial. Não deixes que outros escolham por ti.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Links

Vale a pena espreitar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Blogs de Portugal

Em destaque no SAPO Blogs
pub