Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

25
Jan21

Inacreditável mas previsível

Charneca em flor

Ontem só me consegui deitar quando já faltavam poucos concelhos para apurar. Estive à espera para ter a certeza que Ana Gomes ultrapassava André Ventura o que, de facto, aconteceu. No entanto, o 3o lugar daquele candidato não me deixa nada sossegada. Não consigo acreditar que quase 500 mil portugueses votaram em André Ventura. Dói-me verificar que, quer no concelho onde trabalho quer no concelho em que vivo, o candidato de extrema-direita ficou em 2o lugar. Como é que é possível que as pessoas não consigam ver o risco que se está a correr?! Eu percebo que as pessoas se sintam insatisfeitas com o estado do país, da Europa e do Mundo. Foi em épocas assim que estas teorias avançaram, no passado. Mas têm mesmo a certeza que querem viver num país comandado pelos princípios do Chega?

Larguem as redes sociais e leiam livros de história, procurem informação em fontes fidedignas, percebam o mundo onde vivem e como é que chegámos a este ponto. E percebam quais são os meios de comunicação social verdadeiramente independentes porque a Comunicação Social também deve assumir a sua quota-parte de responsabilidade no surgimento deste tipo de forças. Ponham a mão na consciência e descubram qual é o caminho que querem trilhar.

22
Jan21

Uma caixa de pastilhas na campanha eleitoral

Charneca em flor

Ontem as televisões mostraram imagens de uma manifestação violenta, com arremesso de objectos, junto a uma iniciativa de campanha do candidato André Ventura.

JCC-Ventura-em-Setubal-01-1-1600x1067.jpg

Assim não vamos lá. Para "derrotar" as ideias xenófobas, racistas e retrógradas deste indivíduo é preciso mais inteligência do que actos violentos. Uma vez que a sua candidatura foi considerada válida, o candidato tem todo o direito de fazer campanha até porque o estado de emergência não impede actos políticos. A democracia não está suspensa.

Podemos questionar como é que o regime democrático permitiu o surgimento destes fenómenos de extrema-direita. Aonde errámos como sociedade para que estas pessoas aparecessem no panorama político? É importante confrontar os adeptos deste senhor com ideias e não com pedras.

Há mesmo quem acredite que André Ventura é anti-sistema?! Ainda há poucos anos ele foi candidato autárquico pelo PSD. Não, André Ventura não é anti-sistema. Ele, apenas, deu mediatismo à "conversa de café". Aliás, nos debates percebeu-se que ele não é capaz de discutir uma ideia que seja. Limitou-se a falar mais alto do que os outros candidatos.

Estes actos violentos, bem como as piadas dos humoristas, só vão servir os objectivos deste indivíduo. Ele, e os seus seguidores, vão-se vitimizar. E isso até pode funcionar a seu favor.

Os leitores mais novos não se devem recordar da famosa paulada da Marinha Grande a Mário Soares. Decorria a campanha para a primeira volta das eleições presidenciais de 1986. A Marinha Grande era hostil a Mário Soares mas o candidato insistiu em lá ir. Era esperado por um grupo de oponentes e gerou-se uma situação de violência tendo o candidato levado bofetadas e pauladas. Antes deste incidente as sondagens não eram favoráveis a Mário Soares mas, depois do sucedido, o candidato usou esta situação a seu favor levando-o a conseguir levar as eleições para uma 2a volta que acabou por vencer.

Por fim, só quero dizer que se querem votar como forma de protesto, votem antes no Vitorino Silva, mais conhecido como Tino de Rans. Votar em André Ventura como protesto é muito arriscado. Depois não se venham lamentar.

Não estou a comparar estes dois políticos que isso até é ofensivo para Mário Soares. Só quero dizer que estes actos violentos podem ser contraproducentes e levar a resultados contrários ao que se pretende.

11
Jan21

Presente de Natal envenenado

Charneca em flor

A passada semana trouxe um cenário trágico, embora expectável, em relação ao número de casos positivos de Covid-19 bem como ao número de mortos. Os hospitais estão no limite quer em relação aos doentes Covid quer em relação a outras patologias respiratórias. Ouvimos na Comunicação Social, e nas conversas do dia-a-dia, a atribuição de responsabilidades ao Governo neste agravamento da pandemia em Portugal. Há quem alegue que não se devia ter aliviado as medidas no Natal ou que deviam, mesmo, ter sido agravadas estabelecendo, por exemplo, um número máximo de pessoas, ou de agregados familiares, nas celebrações particulares desta quadra.

É bem verdade que os países que seguiram esse caminho apresentam uma curva descendente no número de casos enquanto por aqui se enfrenta uma terceira onda gigantesca.

Quanto a mim, acho que cada indivíduo tem a sua quota-parte de responsabilidade. Porque é que estamos sempre à espera de um Estado paternalista que nos diga o que podemos, ou não, fazer? Não temos cabeça para pensar? O bom senso está em vias de extinção? Já que não era proibido, vamos juntar a família toda na ceia de Natal como é habitual. Deve ter havido muitas pessoas a pensar isso, com certeza. Ou então a fazer testes que, ao darem negativo, podem ter dado uma falsa sensação de segurança. Há um período, após o contacto com alguém doente, durante o qual ainda não se tem carga viral detectável.

Tudo indica que caminhamos a passos largos para um confinamento geral. Aguardemos pelos próximos desenvolvimentos.

 

01
Jan21

Feliz Ano Novo

Charneca em flor

Não costumo fazer planos para cumprir no novo ano mas há uma promessa que eu faço muitas vezes: "Este ano vou escrever mais no blogue". Raramente cumpro. Aliás, em 2020, até escrevi menos que em 2019 (cortesia das estatísticas dos Blogs do Sapo). E se há ensinamento que se adquiriu nos últimos 12 meses é que não adianta fazer planos. Nunca se sabe que rasteiras a vida nos pode pregar.

Assim, em 2021 só vou fazer uma promessa, viver o momento presente. Só isso importa.

Para os "vizinhos" aqui deste charco do , que 2021 vos traga tudo aquilo que desejam.

1.jpg

 

02
Dez20

Liga dos Campeões com um sabor especial

Charneca em flor

uefa.jpg

Logo à noite, quando começar o jogo da Liga dos Campeões entre a Juventus e  o Dínamo de Kiev, ir-se-á escrever uma nova página na luta pela igualdade de direitos entre homens e mulheres. Pela primeira vez um jogo desta competição será arbitrada por uma mulher, Stéphanie Frappart, de 36 anos. Já em 2019 tinha arbitrado o jogo da Supertaça da Europa. Será um bom sinal quando, um dia, estes factos deixarem de ser notícia.

26
Nov20

Dúvidas existenciais

Charneca em flor

Há uma série de dúvidas que me tem assaltado o espírito, ultimamente. Passo a elencar:

  • Os negacionistas da pandemia são as mesmas pessoas que acreditam que a Terra é plana e que a chegada do Homem à Lua foi uma encenação filmada algures nos Estados Unidos da América?
  • Também serão do clube anti-vacinas?
  • Surgiram agora ou sempre existiram?
  • Estariam escondidos debaixo de que pedra? Ou em que gruta?
  • Serão assim tantos que justifiquem a atenção da comunicação social, dos humoristas e a minha própria atenção?
  • Os "médicos pela verdade" tiraram o curso aonde? Na escola da vida ou na Farinha Amparo?
  • A existência dos "jornalistas pela verdade" implica que todos os outros são pela mentira? Acredito que até um adolescente que escreva para o jornal de parede da escola tem mais ética profissional do que estes pseudojornalistas.

Eu já desconfiava que havia muita gente descompensada à solta mas a pandemia, e tudo o que a rodeia, intensificou a loucura que anda por aí.

 

10
Nov20

Vacina anti-covid e ressabiamento

Charneca em flor

Ao que tudo indica, a vacina anti-covid da americana Pfizer e da alemã BioNtech apresenta uma eficácia de 90% e já está na fase final dos testes clínicos pouco faltando para iniciar o processo de pedido de autorização às autoridades  de saúde americanas (FDA). Ora são excelentes notícias embora ainda haja um longo processo antes de as vacinas chegarem à população. Esta vacina é uma das que foram negociadas pelo governo português para virem para o nosso país. Não se pode dizer que seja a luz ao fundo do túnel mas já  é uma boa promessa.

O engraçado da questão é que Donald Trump veio afirmar que a FDA e a Pfizer tinham adiado este anúncio propositadamente para que acontecesse depois das eleições presidenciais americanas. Mas esta criatura ainda não percebeu que não é o centro do Universo?!

29
Out20

Limitações no Dia de Finados

Charneca em flor

O Conselho de Ministros, através da Resolução 89-A/2020, decretou a proibição de circulação entre concelhos no território continental entre o dia 30 de Outubro e o dia 3 de Novembro. A intenção é limitar as viagens devido ao Dia de Todos-os-Santos e o Dia de Finados.

IMG_20201024_160716.jpg

 

Nesta altura do ano são muitos os portugueses que se deslocam às terras de origem para prestar homenagem aos seus mortos.

Aqui há dias discutia-se, lá na farmácia, se esta medida fazia sentido ou não. Havia quem alegasse que estar num cemitério não era assim tão perigoso uma vez que se tratava de um espaço ao ar livre. Na minha opinião, a medida faz algum sentido porque esta celebração serve de pretexto para que as famílias se encontrem e convivam. Isso acontece, principalmente, na região norte em que esse culto da morte é mais acentuado.

Acontece que a resolução apresenta tantas excepções à limitação de circulação que esta medida ficou vazia de significado. 

E, vocês, o que acham sobre isso? No sítio onde vivem, as pessoas reúnem-se  nesta altura para visitarem os cemitérios? Ou acham que já ninguém liga ao Dia de Finados e por isso esta medida era desnecessária?

09
Out20

Segunda vaga

Charneca em flor

E eis que Portugal ultrapassa os 1000 casos diários neste início de Outono. Há várias semanas que se antevia este cenário. Acabei de ouvir que os especialistas estão surpreendidos porque tinham previsto que isto acontecesse mais tarde, em pleno Inverno. O que me parece é que os especialistas não sabem grande coisa. Este vírus continua a ser um grande desconhecido tornando impossível qualquer previsão. O que se percebe é que, tal como a primeira, esta nova vaga chega a Portugal mais tarde do que no resto da Europa. Vantagens de estarmos aqui neste cantinho recôndito. Como dizem os meus utentes, é preciso ter sorte.

Cuidem-se.

09
Set20

Ana Gomes a Presidente

Charneca em flor

Ana Gomes confirmou, ontem, que será candidata à Presidência da República. O anúncio oficial será amanhã. Há muito que se especulava sobre esta possibilidade.

Ana Gomes licenciou-se em Direito mas no fim da licenciatura enveredou pela carreira diplomática onde permaneceu durante alguns anos. Das funções que desempenhou, destacou-se como consultora presidencial para a diplomacia do Presidente Ramalho Eanes aos 28 anos e embaixadora de Portugal em Jacarta. E foi aí que deu nas vistas. Abraçou a causa timorense e não descansou enquanto não colocou Timor Leste no centro da diplomacia internacional.

Depois de Jacarta, abandonou a carreira diplomática e enveredou pela política. Filiada no PS, é, desde a primeira hora, uma voz incómoda. Chegou ao Parlamento Europeu em 2004 onde continuou a ser uma mulher de causas. Como eurodeputada, participou em missões em locais como a Etiópia, Iraque, Kosovo, Bósnia Herzegovina, Síria ou República Democrática do Congo. Na Etiópia é considerada uma heroína pelo contributo que deu à luta pela liberdade do povo etíope 

Nas últimas eleições para o Parlamento Europeu, já não foi candidata e pediu escusa do Ministério dos Negócios Estrangeiros. Se já antes dizia tudo o que pensava, agora é que ninguém a pára. A principal causa que a move, actualmente, é o combate à corrupção sendo uma das maiores defensoras de Rui Pinto.

Ana Gomes não olha a cores políticas quando escolhe os alvos das suas batalhas e dispara em todas as direcções empenhada na luta pela integridade e pela transparência. 

Com o percurso que precede esta candidatura, Ana Gomes tornará a campanha presidencial muito mais interessante. Os debates serão renhidos. André Ventura já se aproveitou do anúncio da candidatura da Ana Gomes para dar que falar. 

Por muito que eu gostasse de ver uma mulher como presidente, não acredito que seja desta. Embora ainda não o tenha anunciado, Marcelo irá, com toda a certeza, recandidatar-se e tudo indica que será reeleito. Mas nenhuma eleição está ganha à partida. Acredito que Ana Gomes vai travar este combate com toda a sua coragem e resiliência. E se tiver um bom resultado talvez se volte a candidatar daqui a 5 anos. Quem sabe?!

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Links

Vale a pena espreitar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Blogs de Portugal