Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

25
Abr20

25 de Abril de 2020, uma Liberdade diferente

Charneca em flor

20200425_095052.jpg

Este ano dá-se a circunstância particular de se assinalar o 46° aniversário do Dia da Liberdade em Estado de Emergência. Esta situação retira-nos alguns direitos para salvaguardar o direito supremo à saúde. Como eu continuo a trabalhar, não me sinto assim tão tolhida nos meus movimentos embora haja muitas coisas que não posso fazer. Prefiro deixar de passear, de viajar, de ir a espectáculos ou a restaurantes durante algum tempo para poder preservar a saúde de todos os que se cruzam comigo. 

Acredito que muitos dos portugueses, com menos de 46 anos, que se sentem "presos" em casa nunca deram verdadeiro valor à liberdade de que sempre usufruíram. Devem ser os mesmos que, agora, condenam a cerimónia que decorre, neste momento, na Assembleia da República. Lamento mas não se podem comparar funerais, casamentos, almoços familiares ou celebrações religiosas com a dita cerimónia que assinala a Revolução dos Cravos . O nível de proximidade nunca seria o mesmo. Aliás, neste momento delicado da nossa História faz mais sentido do que nunca assinalar o 25 de Abril. Nunca a liberdade e os direitos conquistados foram tão frágeis.

Eu também não me lembro da ditadura. Afinal, nasci já num país livre. No entanto, o meu pai, durante os poucos anos em que estivemos juntos, transmitiu-me os valores de Abril. Eu acompanhava-o sempre nos desfiles que aconteciam na minha terra neste dia. Cresci a sentir que o dia 25 de Abril era um dia de festa. Que assim continue a ser.

23
Mar20

It's the end of the world as we know it (and I feel fine) - R.E.M.

Charneca em flor

Uma música antiga mas extremamente actual

Hoje quero aproveitar o dia que costumo dedicar à música para homenagear os músicos que, impedidos de fazer concertos, têm alegrado estes dias através das redes sociais tocando ao vivo. Há quem se junte no Festival #euficoemcasa, há quem o faça individualmente e ainda quem, todas as noites, cante uma canção de embalar para dormirmos melhor apesar das vicissitudes com que nos deparamos. 

Todos fazemos falta. Agora fazem mais falta os profissionais de saúde, as forças da autoridade ou os trabalhadores dos supermercados, entre outros. Mas a cultura continua a ser preponderante para sermos uma civilização e para mantermos alguma sanidade mental apesar da loucura que nos rodeia e atinge.

O meu obrigada aos músicos porque continuam a fazer o que sabem fazer melhor.

Mais sobre mim

foto do autor

Links

Vale a pena espreitar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Blogs de Portugal

Em destaque no SAPO Blogs
pub