Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

27
Ago19

Road trip pela Roménia e pela Bulgária

Charneca em flor

A minha viagem de Verão terminou no sábado passado. Foi uma das viagens de que mais gostei, apesar das peripécias habituais. Aliás, como diz uma das minhas colegas, se as minhas viagens não tivessem peripécias nem tinham graça. Levei bastante tempo a organizar o percurso mas, se fosse hoje, já teria feito opções diferentes. 

Quem me segue no Instagram, foi acompanhando algumas etapas da minha road trip mas, para quem não passou por lá, aqui fica um resumo:

DSC00958.JPG

Castelo de Peleş

1o dia - Chegada a Bucareste e Transilvânia. Passagem pelo Castelo de Peleş e Sighişoara 

2o dia - Transilvânia com visita ao Castelo de Bran (também como Castelo do Drácula) e Brasov

3o dia - Viagem até Tulcea, cidade que fica no Delta do Danúbio 

IMG_20190819_142912.jpg

Delta do Danúbio 

4o dia - Passeio de barco pelo Delta do Danúbio 

DSC01329.JPG

Paragem numa pequena aldeia romena ainda na zona do Delta

5o dia - Viagem ao longo da costa do Mar Negro com passagem pelas estâncias balneares de Mamaia, Constanţa, Eforie e Mangalia.

6o dia - Continuação da viagem pela costa, atravessando a fronteira para  a Bulgária. Passagem pela cidade de Varna e chegada a Sveti Vlas, próximo de Sunny Beach.

IMG_20190821_163321.jpg

Olhando o Mar Negro, Sveti Vlas 

7o dia - Visita à zona antiga de Nessbar* e viagem até Plovdiv, considerada a cidade mais antiga da Europa

DSC01454.JPG

Plovdiv, Capital Europeia da Cultura 2019

8o dia - Viagem até Veliko Tarnovo, capital medieval da Bulgária com visita a Damascena, destilaria/museu no Vale das Rosas

DSC01600.JPG

Tsaverets, Veliko Tarnovo 

9o dia - Regresso a Bucareste para apanhar o avião, com paragem em Pyce/Ruse, cidade fronteiriça, e passagem da fronteira Bulgária - Roménia 

DSC01669.JPG

Filmando os jogos de água no centro de Bucareste

Já tinha estado nestes 2 países há 2 anos mas não correu muito bem. Nesta viagem senti-me reconciliada com a Roménia e a Bulgária e comecei a olhar para estes países de maneira diferente.

Num próximo post, vou dar algumas dicas sobre viagens nestes países, incluindo aquilo que podia ter organizado de maneira diferente.

 

*A parte antiga fica num promontório e liga-se à parte nova por uma estreita língua de terra. Em Nessbar encontram-se ruínas da época bizantina.

27
Jul19

Mais um grau na direcção do aquecimento global

Charneca em flor

Esta semana, a Europa voltou a enfrentar uma onda de  calor. Portugal tem escapado. Poucas semanas passaram desde as temperaturas recorde atingidas no passado mês de Junho. Desta vez, até o transporte ferroviário foi afectado levando as autoridades a apelarem às populações para que adiem as viagens. Depois de terem sido atingidas temperaturas recorde, houve uma descida abrupta da temperatura assim como tempestades com queda de granizo. Até o Tour de France foi afectado com a inesperada interrupção da etapa de ontem e o encurtamento da etapa de hoje, tudo devido ao mau tempo.

Nos Alpes Suíços, um glaciar derreteu provocando uma enxurrada de água que atingiu a cidade de Zermatt.

Países como a Alemanha e a Bélgica enfrentam situações de seca pouco habituais.

Até o Círculo Polar Ártico foi atingido com mais de 100 incêndios florestais

"Em muitas das zonas mais remotas do Alasca, Sibéria e Gronelândia ardem hectares e hectares de floresta. O círculo polar ártico representa uma das regiões mais sensíveis para o equilíbrio da Terra. Os fogos emitiram um volume recorde de dióxido de carbono. As primeiras estimativas apontam para que o fumo tenha coberto uma área de 2 milhões de quilómetros." Euronews

Mesmo com todos estes acontecimentos, ainda há quem não acredite no aquecimento global, incluindo aquele louco que vive na Casa Branca em Washington.

13
Mai19

Começa, hoje, a campanha.

Charneca em flor

323px-EU_Single_Market.svg.png

Hoje arranca a campanha eleitoral para as Eleições Europeias. Em Portugal ocorrem a 26 de Maio. Se a abstenção já é grande nas outras eleições, nestas costuma ser enorme. Isso é muito mau sinal a respeito da saúde da  nossa democracia. Porque é que se deixa que os outros escolha  por nós?! A maioria dos portugueses acha que estas eleições nada têm que ver com o seu dia-a-dia mas não podiam estar mais enganados. As decisões europeias são preponderantes para a nossa vida e é por isso que estas eleições são muito importantes. É verdade que a classe política não é muito bem vista por uma grande parte dos portugueses. Por vezes, quando ouvimos um candidato, é difícil perceber qual é o seu programa porque alguns ocupam a maior parte do tempo a atacar/acusar os adversários. 

Para podermos votar em consciência é preciso procurar conhecer os programas eleitorais, os princípios que cada candidato manifesta e os seus planos para o projecto  europeu. Se calhar, é  preciso procurar bem mas encontram.

Eu, da minha parte, tenho assistido ao programa "Debates europeias 2019" na RTP. Se  não viram, está disponível na RTP Play. A TSF também tem feito uma boa cobertura da pré-campanha com entrevistas aos principais candidatos. Esta rádio tem transmitido uma pequena rubrica, depois das 7h30m, chamada "Sabia que..." na qual divulga factos e informações relacionadas com a União Europeia. A rubrica está disponível em site da rádio. A informação existe. Há que saber procurá-la.

Eu sou europeísta convicta. Apesar de tudo, o país colheu muitos benefícios com a adesão à antiga CEE. Eu vejo como portuguesa mas também como cidadã europeia.

Dia 26 de Maio, o nosso futuro conta convosco. Não se esqueçam de votar.

 

 

 

 

 

 

 

 

01
Set18

Hora de Verão para sempre

Charneca em flor

mw-860.jpeg

 

Parece que o nosso país acordou, agora, para a discussão sobre o fim da mudança da hora. A consulta pública sobre o tema já decorreu há algumas semanas, talvez meses, e pouco ou nada se falou sobre o assunto. Eu descobri, por acaso, ao ler uma crónica que vi na newsletter de um jornal português. Participei e fiz parte dos 0,03% de portugueses que votaram. Votei pelo fim da mudança, ou seja, para que o chamado Horário de Verão fique durante todo o ano. Se pensei muito nisso? Possivelmente, não. Não pensei no efeito que essa possibilidade iria ter no início do dia. Fixei-me apenas no fim do dia. É muito deprimente quando anoitece às 17h. Ficamos sem vontade de fazer seja o que for no final do dia. No entanto, sou sensível ao argumento que surgiu agora de que precisamos de luz solar para acordar por completo e, ao se acabar com o Horário de Inverno, implicaria o nascer do sol depois das 8h. A essa hora já muitas pessoas têm que estar a trabalhar e as crianças já estão quase a começar as aulas. Se calhar, se votasse agora, até pensaria de outra forma e mudaria o sentido de voto. O que, na verdade, não mudaria nada. Afinal, a minha opinião inicial estava em linha com a maioria dos 4,6 milhões de europeus que participaram. A verdade é que destes europeus participantes, 3 milhões eram alemães. Ao que parece, na Alemanha o assunto foi amplamente discutido. No fim, vence sempre a Alemanha.

images.jpeg

 

Basicamente, as consultas públicas da União Europeia, bem como de outras entidades, deviam ter uma maior divulgação e esclarecimento. Só com esclarecimento podemos optar por aquilo que consideramos mais correcto. Os instrumentos para que os cidadãos participem nas decisões comunitárias e nacionais existem mas poucos sabem disso. Agora, será que se a divulgação fosse maior, a participação também seria mais significativa?!

22
Mar18

O assobiador

Charneca em flor

sobreiro-assobiador-site.jpg

 

Este pequeno retângulo à beira-mar plantado está mesmo numa maré vendedora. Depois de Guterres para a ONU, do Europeu de Futebol, do Europeu de Futsal, do Festival da Eurovisão e das inúmeras vitórias e destaques na área do turismo and soon and soon, agora ganhámos mais uma competição. Desta vez foi uma árvore portuguesa que ganhou o título de Árvore Europeia do Ano de 2018. Para ser franca só ouvi falar deste concurso há pouco tempo, desde que o sobreiro português "O assobiador" era um dos favoritos para a vitória. 

Com esta iniciativa pretende-se premiar árvores que contam histórias nos vários países da Europa.

"O assobiador" já foi inscrito como o o maior sobreiro no Livro do Guiness, tem 234 anos e deve o seu nome ao som entoado pelas inúmeras aves que se acolhem nos seus ramos.

Espero que estas iniciativas sejam aproveitadas para chamar a atenção para a necessidade de cuidar bem das nossas árvores.

13
Mai17

Campeões Europeus, de novo, desta vez da música

Charneca em flor

Este é um post que nunca pensei escrever. PORTUGAL acaba de ganhar o Festival da Eurovisão. Quantas vezes desejei ouvir: Portugal twelve points?! Hoje, dia 13 de Maio, foi o dia. Obrigada Salvador e Luísa Sobral. Parabéns por terem levado esta música ao coração da Europa. Muito obrigada.

E fiquem, novamente, com esta voz de anjo:

 

E agora Portugal recebe o Festival da Eurovisão no próximo ano.

 

 

25
Mar17

Parabéns, União Europeia?!

Charneca em flor

Encontro dos líderes europeus com o Papa

 

Hoje celebram-se 60 anos dos Tratados de Roma através do qual se constituiu a Comunidade Económica Europeia (CEE) e que mais tarde deu origem à actual União Europeia (UE). Portugal aderiu à CEE em 1986 ao mesmo tempo que a Espanha. Muito mudou ao longo destes 60 anos. Começou com 6 membros e foi-se alargando até ter 28 membros. Agora, com o Brexit, seremos apenas 27. Os últimos anos têm sido muito complicados e muitos adivinham já a sua implosão. Com a crise das dívidas soberanas, a austeridade, a crise dos refugiados, o ressurgimento de movimentos populistas e xenófobos e, principalmente, com o Brexit, os alicerces têm tremido e muito. Tem-se aproximado mais de uma DesUnião Europeia.

Não se pode negar que a qualidade de vida dos europeus melhorou muito ao longo deste tempo, felizmente. Entre as várias melhorias que têm sido observadas nos países que constituem a UE, uma das coisas que melhorou foi a esperança média de vida que passou de 67 anos para 81 anos. A União Europeia chegou aos 60 anos. Se fosse uma pessoa qual seria a sua esperança média de vida?

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Blogs de Portugal