Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

23
Nov16

Em modo fada do lar

Charneca em flor

Ontem, e hoje, despi a bata de farmacêutica competente (e convencida) e assumi o papel de fada do lar. Tinha uns dias de férias e umas arrumações a fazer por isso juntei o útil ao útil. Não se pode dizer que arrumações e limpezas sejam actividades agradaveis. 

Na verdade, eu até gosto de ser fada do lar de vez em quando. Tenho é que estar inspirada e cheia de energia. Vai tudo à frente. 

Para quem acredita em astrologia, diz-se que os nativos do signo Caranguejo são pessoas caseiras, que gostam do conforto do lar. Em parte, até é verdade mas acabo por não passar muito tempo em casa. E por não me dedicar assim tanto.

Por exemplo, há uma coisa para a qual não tenho jeito nenhum, jardinagem. Já tentei, várias vezes, ter ervas aromáticas. Nada. Nem consegui que nascessem. Trouxe um vaso com 1 pé de hortelã da aldeia para transplantar para um vaso maior. A hortelã que existe na casa da aldeia é fantástica. O problema é que trouxe também uma lagarta. Lá se foi a pobre da hortelã.

Na sala tenho este cantinho das plantas

20161122_224113.jpg

Tem um ar desgraçado não tem?

A Estrela do Natal quase de certeza que não chega ao Natal. A pobre planta que está ao lado foi-me oferecida no aniversário, em Julho, pelo A.. Receio estar a assassiná-la com água a mais. As da esquerda lá se vão aguentando nem sei como. A trepadeira é a prova que ainda há esperança para mim, já tem mais de 14 anos. Foi-me oferecida pelas minhas colegas de trabalho no primeiro aniversário depois de vir para cá morar. Ela deve ter táo resistente que nem eu a consigo matar.

O pior é que o jeito para as plantas me devia estar nos genes. Os meus pais eram, ambos, dotados para jardinagem. A minha mãe ainda hoje tem quase uma floresta em casa. O meu gene da jardinagem deve estar muito adormecido.

 

 

06
Ago14

A beleza das buganvílias

Charneca em flor

Se há coisa que eu invejo nos jardins que vejo durante as minhas caminhadas, são as buganvílias.

 

Estas flores fazem-me lembrar Verão, férias, passeios ao ar livre, viagens pelo Mediterrâneo, enfim, adoro-as. O que eu gostava de ter um caramanchão coberto de buganvílias com uma espreguiçadeira onde me sentaria a ler num fim de tarde de Verão. Precisava de pouco mais para ser feliz.
Ora não sendo proprietária de nenhum jardim com tamanho suficiente para este sonho, todos os anos equacionou ter uma buganvília. Há 2 possibilidades, ou a minha varanda com uma pérgula mais ou menos como esta
Ou ocupar um cantinho do quintal do sogrinho na casa da aldeia. 
A primeira hipótese tem a desvantagem de poder ser uma condenação à morte porque eu não tenho assim muito jeito para plantas e mato-as com uma rapidez impressionante. Já optando pela segunda hipótese, há uma elevada possibilidade do sogrinho não achar graça nenhuma quando as flores começarem a secar e espalhar-se por todo o lado porque ele gosta de tudo muito arranjadinho e limpo. Sendo assim, vou continuando a apreciar as buganvílias alheias.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Blogs de Portugal