Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

16
Mai21

Foto da semana 20/52

Charneca em flor

Como tem sido frequente nos últimos meses, O Voo da Garça tem sido muito rasteiro. Não se voa entre as nuvens mas podemos passear e reparar nos pormenores que nos rodeiam e nos quais não reparamos, habitualmente.

No passado domingo choveu muito o que me deixou chateada como já disse por aqui. Por isso o passeio foi curto mas mesmo assim encontrei, no jardim dos vizinhos, a imagem com mais  desta semana.

IMG_20210509_204148_693.jpg

Este arbusto é uma lonicera japonica. Em Portugal também se chama, erroneamente,  "madressilva", "madressilva-da-china" ou "madressilva-dos-jardins". A verdadeira madressilva é outra espécie. Seja como fôr, gosto muito deste arbusto. É uma pena que a imagem não transmita o aroma inebriante exalado por estas pequenas flores amarelas.

Bom domingo com muitos passeios. Reparem nos pormenores que vos rodeiam e talvez se surpreendam.

 

 

 

 

 

04
Abr21

Foto da Semana 14/52

Charneca em flor

Na semana que passou tive oportunidade de um contacto mais próximo com a natureza já que fiz algumas caminhadas. Assim houve 2 fotos com igual número de no Instagram. E têm, ambas, o mesmo tema, flores silvestres ou espontâneas. Encontrei estes exemplares perdidos entre tojos, pinheiros e eucaliptos.

IMG_20210328_183804_387.jpg

Boca de Lobo

IMG_20210328_212049_869.jpg

Frésias

Bom Domingo de Páscoa, com muitos passeios e espero que encontrem muitas flores como eu.

O meu dia de hoje vai ser passado a trabalhar. Hoje calhou-me a mim.

10
Jan21

Foto da Semana 2021

1/52

Charneca em flor

A primeira semana do ano já passou. Como já vem sendo hábito desde há uns meses, foi tão intensa que até parece que o ano já começou há mais tempo.

A "foto da semana" está de volta com esta imagem

20210110_085632.jpg

Na 2a feira passada tive oportunidade de ir passear a Caldas da Rainha. O tradicional passeio de Ano Novo não pôde ser realizado no dia 1 devido às limitações de circulação, e como tive folga na 2a feira, aproveitou-se o dia. Este presépio estava numa das principais praças da cidade, junto à igreja. Nunca me canso de passear por lá.

 

31
Dez20

O meu ano de 2020

Charneca em flor

Daqui a poucas horas termina o ano mais estranho das nossas vidas. Tantas palavras se escreveram sobre os acontecimentos tristes que se passaram ao longo destes meses mas será que o ano de 2020 não teve também bons momentos?!
Se cada um de nós procurar, dentro de si, aquilo que aprendeu e construiu ao longo de 2020 poderá chegar à conclusão de que o ano foi melhor do que se pode pensar à primeira vista.
Sendo assim passo a elencar aquilo que, para mim, 2020 teve de melhor:
Os meses de Janeiro e Fevereiro . Apesar de já se falar do novo coronavírus ainda se acreditava que não chegava à Europa. Só na última semana de Fevereiro é que os europeus perceberam que não estavam a salvo. Mas nesses meses era possível visitar familiares e amigos, ir a todo o lado livremente e fazer tudo o que nos apetecesse sem pensarmos em mais nada. Na altura do Carnaval estive no Alentejo, em casa do meu tio, a ganhar uns quilitos com a maravilhosa comida feita pela minha tia.

IMG_20200223_112159.jpg


Também em Fevereiro, no dia 1, nascia a neta da minha directora-técnica. Durante o ano de 2020 também soubemos que uma das minhas colegas vai ser avó no início de 2021. Trabalho com esta colega, assim como com a minha directora técnica, há mais de 20 anos. Sinto-as como se fossem da minha família por isso é como se eu fosse tia destes bebés. A chegada da F. e a iminente chegada do B. enchem o meu coração de alegria. As crianças enternecem o nosso coração e representam. esperança no futuro.


Com os primeiros estados de emergência, trabalhei a meio tempo. Foi assim que tive oportunidade de descobrir uma nova paixão, as plantas. E só não enchi a casa de plantas porque não conseguirei dar-lhes a atenção que merecem.

IMG_20200421_153945.jpg

Com o entusiasmo, acabei por dar mais atenção às plantas que já existiam na casa da aldeia e às quais não ligava muito. É uma alegria quando vejo as plantas a desenvolverem-se, a crescerem, a terem folhas novas. A vida tal como a conhecíamos pode parar mas a natureza não pára.

20201230_195720.jpg

Consegui ler mais do que era habitual. No meu Goodreads propus-me ler 12 livros, um por cada mês mas consegui ultrapassar essa fasquia e li cerca 16 livros (sem contar com alguns ebooks) incluindo o clássico "Os Irmãos Karamázov" de Fiodor Dostoiévski. O facto de estarmos mais em casa também contribuiu para aumentar o meu nível de leitura. As idas aos restaurantes reduziram drasticamente tal como os passeios e as viagens que fazia antes. Não fiz nenhuma viagem ao estrangeiro mas viajei muito através da literatura. Fui à Rússia, à Itália - Sicília e Nápoles, principalmente - fui aos Estados Unidos, fui a Barcelona e ao Chile. Descobri autores que nunca tinha lido como Lídia Jorge e Dulce Maria Cardoso. Continuo a ter imensos livros para ler mas ainda não sei quantos livros me vou propôr a ler em 2021.

20201230_195742.jpg

Este foi o último livro que li em 2020

 

Uma vez que a maioria das grandes deslocações foram limitadas, fiz muitas caminhadas a pé à volta da aldeia onde costumo passar os fins-de-semana. E é sempre possível descobrir novos recantos e pormenores nos quais nunca tínhamos reparado. A pandemia fez-me mais atenta.

IMG_20200501_142342.jpg

Parece um postal, não é? Mas existe mesmo


Felizmente tive oportunidade de conhecer uma região portuguesa que não conhecia graças a uma curiosa coincidência. A empresa onde trabalho adquiriu uma encantadora casinha em 2019 e foi-nos dada a oportunidade de a utilizarmos para férias. E não é que veio mesmo a calhar? Fica na zona de Castro Marim, numa aldeia perdida no meio da serra. Passei lá alguns dias no Verão e foi lá que estive nos últimos dias. Permitiu-me conhecer algumas praias desta zona do Algarve bem como algumas vilas e cidades como Alcoutim, Castro Marim ou Tavira. Nestes últimos dias também fiz várias caminhadas explorando a área circundante à aldeia.

DSC01970.JPG

Em suma, mesmo quando tudo parece desmoronar, ainda assim é possível ser feliz.

 

 

27
Dez20

Foto da semana 52/52

Charneca em flor

Este ano tem-me permitido (re)descobrir os encantos de Portugal. Já tenho ido várias vezes às salinas de Rio Maior mas é sempre encantador. Nesta época do ano, as típicas construções de madeira "vestem-se" a rigor. No Natal também é possível ver os curiosos presépios de sal.

Foi neste local mágico que captei a foto com mais 💓 desta semana

IMG_20201225_181844_018.jpg

Bom domingo

05
Dez20

Blogmas 2020 - Madeiro do Natal

Charneca em flor

A noite de Natal é uma das noites "mais" longa do ano. Normalmente as famílias mantêm-se acordadas até mais tarde. Lembro-me da minha avó guardar o maior madeiro da lenha que tinha disponível para pôr a arder nessa noite. A ideia era que a lareira se mantivesse acesa durante toda a noite. Para quem vive nalgumas aldeias, ou mesmo em vilas ou cidades mais pequenas, conhece a tradição do Madeiro do Natal. Esse costume consiste em reunir o mais alto monte de lenha na praça mais central da terra. Muitas vezes corresponde ao adro da igreja local. Na noite de Natal acende-se uma enorme fogueira que, muitas vezes, é mantida acesa até ao Dia de Reis. Tendo em conta que muitas famílias saem de casa para ir à Missa do Galo também é uma forma de as pessoas se aquecerem a caminho da igreja.

DSC01578.JPG

Preparação do Madeiro do Natal

Unhais da Serra, Dezembro de 2012

Nalgumas terras, é  tradição que sejam os rapazes novos que vão recolher a lenha para fazer a fogueira. Também há o hábito de, por brincadeira, roubar a lenha ou os carros de transportes. 

Tudo indica que este costume teve origem em cultos pagãos de celebração do Solstício de Inverno. Durante essas festividades era costume acender fogueiras ao ar livre.

Aliás, muitas tradições cristãs têm origem em tradições pagãs. Mas isso é conversa para outro dia.

11
Out20

Foto da semana 42/52

Charneca em flor

No passado domingo, fui passear a Caldas da Rainha como já descrevi aqui. Entre as várias imagens que captei, estava esta

20201011_083014.jpg

Tinha-me esquecido dela e resolvi partilhá-la ontem. Acabou por ser a foto com mais  do instagram. Gosto muito de arte urbana e nas Caldas da Rainha encontramos muitas formas de arte a cada esquina.

Mais sobre mim

foto do autor

Links

Vale a pena espreitar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Blogs de Portugal

Em destaque no SAPO Blogs
pub