Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

02
Dez18

Vivemos no melhor destino turístico do mundo

Charneca em flor

destaque_1280.jpg

Ontem realizou-se no Pátio da Galé, em Lisboa, a cerimónia dos World Travel Awards. E Portugal foi galardoado com nada mais, nada menos, 17 (!) prémios. Os nossos meios de comunicação social fizeram uma grande alarido com esta notícia. Fiquei assustada e preocupada porque comecei a temer que a invasão turística aumentasse exponencialmente com tantos prémios que se distribuem por todo o país. Também fiquei curiosa e fui tentar descobrir quantos prémios tinham sido distribuídos porque, da maneira como as televisões noticiaram, parecia que o país tinha dominado a gala. Afinal os prémios são tantos mas tantos que eu nem me os consegui contar. Podem encontrar a lista aqui. Vendo por este prisma, 17 prémios são uma gota no oceano. Podem-se escolher inúmeros destinos de entre os premiados. Felizmente.

28
Jun18

Ai, Lisboa, Lisboa minha

Charneca em flor

Ontem à noite fui, mais uma vez, a Lisboa para assistir a uma conferência. O local é mesmo no centro de Lisboa, perto do Chiado. Era uma noite a meio da semana, relembro. E as ruad estavam cheias, cheias de pessoas. Imagino que a grande maioria seriam turistas. Já aqui falei deste assunto. Lisboa foi completa e exageradamente invadida. Acredito que este movimento será positivo para os operadores económicos da área do turismo mas tudo o que é demais...

Já não reconheço a cidade dos meus tempos da faculdade. É verdade que passaram 20 anos e que, em certos aspectos, Lisboa está francamente melhor. Infelizmente são cada vez menos os portugueses e os lisboetas que usufruem dela. 

atardecer.jpg

 

Nesse tempo longínquo em que eu ia todos os dias para Lisboa, haveria muitos comerciantes locais em dificuldades. Poderia-se pensar que agora estariam todos esses negócios antigos, alguns centenários, a prosperar. Mas, ao que parece, há cada vez mais lojas históricas a fechar. Uma das próximas a fechar é a icónica Pastelaria Suiça no Rossio. A Pastelaria Suiça é quase centenária já que foi fundada em 1922. Segundo parece, todo o quarteirão onde se situa a referida pastelaria foi comprado por um fundo imobiliário. Não acredito que este estabelecimento estivesse a ter prejuízo. Se estava sempre cheia antes, agora com tanta gente pelas ruas, deveria estar a abarrotar. Os preços não eram muito convidativos para a carteira de muitos portugueses, é uma verdade, mas já se sabe que há que pagar o enquadramento. Quando tomamos um café ou uma refeição com vista para o mar também se paga mais. Não será o único estabelecimento de Lisboa a fechar portas mesmo com a aprovação pela Câmara de mais 44 lojas classificadas como "Lojas com história" o que lhes confere uma maior defesa contra o encerramento. Mas há factores que não se conseguem ultrapassar. Se os proprietários já não quiserem continuar, por exemplo, pouco se pode fazer.

Na altura das Marchas Populares, também foi dito que a maioria dos participantes já não moram nos bairros típicos pelos quais concorrem. Também em Alfama fechará a última mercearia típica que ainda resiste. O prédio está degradado, é certo mas foi comprado, adivinhem lá, por um estrangeiro.

Dentro de pouco, Lisboa perderá tudo o que é típico, perderá a sua principal riqueza, os lisboetas, perderá os turistas porque se tornará numa cidade igual a todas as outras. Acontecerá a tal gentrificação, esse palavrão que entrou no nosso vocabulário.

Lisboa já começa a deixar de ser a minha cidade.

16
Jun18

Impróprio para cardíacos 🇵🇹🇵🇹🇵🇹

Charneca em flor

Ontem foi o primeiro jogo da Selecção Portuguesa no Mundial da Rússia. Chegamos com o título de Campeão Europeu e um 3o lugar na Taça das Confederações, embora nesta competição não se tenham esforçado muito. A probabilidade de chegarmos à final desta vez é bem menor do que no Europeu. Desta vez o Fernando Santos ainda não se pronunciou sobre a data da viagem de volta. Homem inteligente. 

O primeiro jogo adivinhava-se difícil já que era contra a excelente equipa da Espanha. Uma grande parte dos jogadores conhecem bem a nossa jóia da coroa, Cristiano Ronaldo, uma vez que ou jogam na mesma equipa ou jogam muitas vezes contra ele. O duelo ibérico foi impróprio para cardíacos. Começámos cheios de força a marcar um pênalti (marcado por CR 7) que os espanhóis consideram discutível. Nuestros Hermanos conseguem empatar com um golo que os comentadores dizem que foi ilegal. Portugal (CR 7 outra vez) marca outra vez, com a ajuda do guarda-redes espanhol. Na 2a parte, os espanhóis conseguem a remontada marcando 2 golos e quase no fim, Cristiano Ronaldo faz um hat-trick através de um livre absolutamente fenomenal. 

ronaldo_festejo_terceiro_golo_portugal_espanha_mun

 

Há quem diga que o resultado foi Cristiano Ronaldo 3 - Espanha 3. Não é justo porque ele não joga sozinho, quando fala, como bom capitão, fala no colectivo e ele só marca porque a bola chega até ele. A Espanha mostrou ser uma equipa muito forte tanto tecnicamente como anímicamente. Não se notou que mudaram de seleccionador a 2 dias do primeiro jogo. Por muito que custe, foram melhores do que a nossa equipa e são um sério candidato à vitória. 

Para a próxima vez, é melhor o Fernando Santos convocar a Brites de Almeida, Padeira de Aljubarrota. Qual Pepe de saias, ela seria uma grande ajuda na defesa.

padeira-de-aljubarrota-e1480333216615.jpg

 

19
Set17

Cuidado com a relva

Charneca em flor

As redes sociais, esses arautos dos bons costumes dos tempos modernos, arranjaram um novo alvo. Por estranho que pareça ainda há pouco tempo, toda a gente andava doida por esta personalidade ter escolhido Portugal para viver. Falo da Madonna. Pois que as redes sociais, os jornais, as televisões transformaram em notícia tudo o que a Madonna postava no Instagram. E uma grande parte dos portugueses inchou de orgulho. Pois que ela andava a cavalo na Comporta, pois que ela almoçava com o Nuno Gomes, pois que ela visitava o Mosteiro dos Jerónimos, pois que ela vai ouvir Fado ou Morna na Mouraria e por aí fora. 

madonna-3.jpg

 

Mas, há sempre um mas, nem tudo são rosas. Primeiro foi a Madonna que se queixou da burocracia em desalfandegar uma encomenda. Agora são as tais das redes sociais que se ofenderam com a publicação em que se vê os filhos a correm pela relva do Palácio de Seteais mesmo ao lado de uma placa que informar que isso não é permitido. Também achei que ela devia dar o exemplo e não escarrapachar os disparates das crianças no Instagram. Como mãe, a sua preocupação deveria ser ensinar a respeitar o património comum. No entanto também não acho que é caso para cruxificar a cantora e dizer, como já li, se era para isto ela que ficasse lá pelos EUA.

São crianças, senhores, são crianças. Quem é que nunca fez qualquer coisa proibida, como pisar a relva, conduzir acima do limite de velocidade, estacionar onde era proibido, tirar fotografias em monumentos onde não é permitida? Quem nunca fez nenhuma destas coisas que atire a primeira pedra. Deixem lá as crianças serem felizes e um bocadinho rebeldes.

Por mim, a Madonna não se ia embora só por causa disto. Podia era fazer um donativo ao Palácio de Seteais para ajudar a cuidar da relva. Ficava-lhe bem.

17
Jul17

Vamos todos para lá

Charneca em flor

Hoje faz precisamente 1 mês que o país se horririzou com a tragédia provocada pelo fogo na região  centro. A solidariedade que se gerou foi impressionante e primordial para ajudar a reconstruir casas e empresas. No entanto não podemos descansar a nossa consciência apenas com donativos monetários, bilhetes para concertos solitários ou enviando roupa velha para os locais atingidos. O sector do turismo que escapou ao incêndio está a ser duramente atingido. As reservas feitas anteriormente ao incêndio estão a ser canceladas e não estão a ser feitas novas reservas. A Região de Turismo do Centro já garantiu que a maioria  dos equipamentos turísticos estão a funcionar. Estranhamente a maioria das reservas canceladas são de portugueses. Vamos mostrar que a solidariedade continua. O verdadeiro desafio é continuar a visitar o centro do país.

DSC03799.JPG

Maranhos na Sertã

DSC03879.JPG

Praia das Rocas, Castanheira de Pera

DSC03806.JPG

Hotel da Montanha, Pedrógão Pequeno

 

DSC06048.JPG

Piodão

DSC06091.JPG

Praia Fluvial da Peneda, Góis

DSC06126.JPG

Praia das Canaveias perto de Góis

DSC06140.JPG

Quintinha do Carvalhal, Góis 

DSC06150.JPG

Cascata da Fraga da Pena, Benfeita

DSC06196.JPG

 

Praia Fluvial de Côja, Arganil

 

Eu vou fazer a minha parte. No próximo fim de semana vou até ao Concelho de Proença-a-Nova.

 

 

 

 

 

10
Jul17

Foi há 1 ano

Charneca em flor

Há 1 ano, os portugueses viveram um dos momentos mais emocionantes a nível desportivo. Pela primeira vez, e contra todas as expectativas, a Selecção Portuguesa de Futebol venceu o Campeonato Europeu em França. Contra a Selecção anfitriã. A França, tal como Portugal no nosso Euro 2004, viu fugir o troféu. Fizemos uma das piores campanhas de que há memória. Ultrapassámos a fase de grupos só com empates ficando em 3° lugar. Este facto acabou por jogar a favor da nossa Selecção já que assim se evitou as selecções mais fortes da competição. 

No jogo da final tudo parecia correr mal. O capitão Cristiano Ronaldo foi derrubado agravando a sua lesão do joelho. Teve que ser substituído logo na primeira parte. Mas os jogadores mostraram que descendem de antepassados valorosos e das fraquezas fizeram forças. Resistiram estoicamente, levaram o jogo a prolongamento e no minuto 109, surge mais um herói improvável, Éder. O patinho feio da Selecção, um dos convocados de Fernando Santos mais contestado, fez o que lhe competia como ponta-de-lança e marcou levando o país, e todos os recantos do mundo onde havia 1 português, ao delírio. Eu vi os últimos minutos do jogo com o batimento cardíaco acelerado e quase em cima da televisão. Aqueles minutos custaram mais a passar do que todos os anteriores.

Mais uma vez, obrigada Fernando Santos, obrigada aos 23 heróis de Paris, obrigada a todo o staff por esta grande alegria.

 

Estes são alguns dos melhores momentos, absolutamente inesquecíveis 

 

 

04
Mai17

El Rei D. Sebastião vai regressar

Charneca em flor

naom_5729eed3e0d30.jpg

 

Não se sabe se será num dia de nevoeiro mas a estátua do Rei D. Sebastião vai voltar ao seu lugar na Estação do Rossio. A peça tinha 126 anos e foi destruída, precisamente, há 1 ano. A IP Património, empresa do universo Infraestruturas de Portugal, anunciou que a estátua  vai ser restaurada. Não  foi referido quanto vai custar, ao contribuinte, esta brincadeira. A estátua partiu-se ao cair depois de um homem ter subido ao nicho para tirar uma selfie. Foi apresentada queixa-crime mas o processo ainda está na fase de inquérito. Mesmo que o homem que provocou este problema seja julgado e condenado pelo acto não sei se terá rendimentos para pagar os danos. Imagino que o valor será elevado.

rossio-2.jpg

 

A febre de fixar tudo em imagens que se partilham no imediato tem conduzido a imensos problemas. Não é caso único de destruição de património  e também há relatos de pessoas que correm, até, risco de vida. 

Será que vale tudo por uma boa imagem?

 

 

11
Out16

Festa nas ilhas Faroé

Charneca em flor

A Selecção Portuguesa de Futebol soma e segue neste longo caminho até ao Mundial de 2018 na Rússia. Só é pena termos perdido o primeiro jogo com a Suíça. O jogo foi demasiado cedo, ainda se fazia o rescaldo da conquista do Euro. Vamos ver o que acontece. No jogo de ontem houve um acontecimento que me impressionou. Não,não foram os 6 golos de Portugal nem tão pouco o hat-trick do jovem jogador do FCP, André Silva. Tanto uma coisa como outra são dignas de nota. O que me impressionou verdadeiramente foi a festa dos adeptos das Ilhas Faroé (como será que se chamam os habitantes das ilhas Faroé?!). Tinha a televisão ligada, ia ouvindo e de vez em quando olhava para lá. À medida que o jogo ia avançando e que o resultado era cada vez mais favorável a Portugal, os adeptos das Ilha Faroé continuavam a fazer a festa e cada vez com mais entusiasmo. Cantavam, tocavam música e dançavam. Faziam lembrar os cânticos dos islandeses no último Euro. Captei estas imagens já quase no fim. As ilhas Faroé perdiam por 0-4 mas os adeptos cantavam e pulavam. Pareciam felizes apesar do resultado.

20161010_233256.jpg

20161010_233157.jpg

20161010_233100.jpg

Alguma vez isto aconteceria se a situação fosse inversa?! Nunca na vida. 

Engraçada, esta gente do Norte. Não admira que os seus vizinhos da Islândia e da Dinamarca sejam classificados com um elevado índice de felicidade entre os  vários países estudados.

 

Nota: As ilhas Faroé são um território independente da Dinamarca e situam-se entre a Escócia e a Islândia, 

 

01
Jul16

De batalha em batalha, até à batalha final*

Charneca em flor

selecção.jpg

 

Ontem viveu-se mais um jogo impróprio para cardiacos. Portugal continua a não conseguir ganhar nos 90 minutos mas também não perde. Fernando Santos alterou completamente a maneira de jogar da Selecção Portuguesa que vimos em competições anteriores. Muitos comentadores têm dito que a equipa não joga grande coisa e que continua a não convencer. Talvez seja verdade mas também não deixa de ser verdade que, no futebol, nem sempre ganha a equipa que joga melhor. Quem ganha é quem marca mais e sofre menos. Foi o que aconteceu em Marselha embora tenha sido por grandes penalidades. A estrelinha da sorte esteve ao lado da equipa das quinas mas os nossos jogadores concentraram-se e com muita calma  chegaram ao melhor resultado. E isso é que interessa.

Renato Sanches foi eleito, novamente, pela UEFA, homem do jogo. Por mais que eu fique contente pelo sucesso de um jogador que cresceu no meu clube, acho prematura toda esta atenção mediatizada que dão a um jogador tão novo. Irrita-me. Deixem o miúdo crescer. Com tantos elogios ainda estragam o rapaz. É verdade que tem sido um jogador importante mas é preciso não exagerar. A calma com que avançou para marcar a grande penalidade é impressionante vinda de um jovem de 18 anos que se vê pela primeira vez numa situação destas. Quantas vezes falharam outros jogadores bem mais experientes?! Será confiança nas suas capacidades ou irresponsabilidade própria da idade? Já agora, será que a UEFA  o elegeria homem do jogo se ele não fosse já jogador do Bayern de Munique? Fica a dúvida.

Gosto das respostas que Fernando Santos dá quando lhe fazem perguntas sobre o Renato Sanches. Não deixa de o elogiar mas de forma comedida. Aliás o melhor elogio do Seleccionador Nacional foi a titularidade que lhe deu ontem. Gosto quando ele diz que o RS é um bom jogador mas que ainda tem muito que evoluir e que vai ser ainda melhor. Gostei quando ele disse que estava contente com todos os jogadores (embora tenha feito um comentário mais dirigido a Pepe e a Cristiano Ronaldo) porque o futebol é um jogo de equipa. O todo tem que ser muito melhor do que a simples soma das partes. Agora é ir para Lyon com os olhos postos em Paris.

torreeiffel.jpg

 

*frase roubada ao Eng. Fernando Santos

13
Abr16

Candidato Guterres

Charneca em flor

 

images-1.bin

 

Ontem António Guterres respondeu a uma série de perguntas na sede da ONU em Nova Iorque, no âmbito da sua candidatura a Secretário-Geral da ONU. Os candidatos são 8 e, desta vez, o processo será mais transparente do que é habitual (supostamente). Em príncipio, o antigo primeiro-ministro está bem colocado, e bem preparado, para estas funções devido ao reconhecido trabalho como Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados. Os comentadores que acompanharam a entrevista feita a António Guterres foram unânimes em afirmar que a sua prestação foi muito positiva. Penso que a maioria dos portugueses ficariam muito orgulhosos se Guterres fosse eleito. No entanto, parece que há quem defenda que já é tempo de o cargo ser atribuído a uma mulher e/ou a um candidato da Europa de Leste porque tal nunca aconteceu. Eu tenho sentimentos contraditórios em relação a esta questão da paridade. Sou obrigada a concordar quando se diz que já era tempo de ter uma mulher à frente da ONU mas o facto de ser mulher não pode nem deve ser o prncipal requisito. Não sei se as leis da paridade são benéficas para as mulheres porque, na minha opinião, deve-se ascender a este tipo de lugares por competência e não por género. Ninguém deve ser beneficiado ou prejudicado por ser homem ou mulher. Todos nós, homens ou mulheres, deveriamos lutar por um mundo mais equilibrado e justo onde conceitos como o da paridade se tornassem obsoletos e desnessários. Espero que os decisores escolham o candidato mais competente porque a intervenção das Nações Unidas é cada vez mais necessária. Que vença o melhor.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Desafio

Desafio

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Blogs de Portugal