Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

O Voo da Garça

Sonhos, desejos, opiniões, instantes da vida diária...

24
Fev19

A resposta certa era...

Charneca em flor

Ontem fiz una pequena brincadeira e deixei aqui uma pergunta à comunidade sapense . Muito obrigada aos simpáticos colegas de plataforma Joana Marques, Marta Elle, Maribel Maia  e P.P. que tiveram a amabilidade de responder. Lamento informar que estavam todos errados. A resposta certa era a

e) Telefonam para as todas as farmácias, às 2h da madrugada, e se alguma atende, perguntam: "Está de serviço?" arriscando-se a que, do outro lado, respondam: "Não, eu gosto tanto do meu emprego que passo cá a noite!"

Pelo menos foi o que aconteceu no meu último serviço. Quer dizer não sei se a pessoa ligou para todas as farmácias mas acho graça imaginar que sim.

E também não respondi daquela maneira. Ou melhor, não disse mas pensei . Pensando bem, se eu estivesse a dormir, o que só acontece lá pelas 4h/5h da manhã, acordava com o telefone e assim estava bem desperta quando a pessoa chegasse.

23
Fev19

Pergunta à comunidade do Sapo

Charneca em flor

Se precisarem de saber qual é a farmácia de serviço, como é que fazem:

a) Consultam o Sapo Farmácias 

b) Consultam outro site informativo sobre as farmácias de serviço 

c) Consultam o teletexto (hum, será que ainda existe?)

d) Vão a uma farmácia para consultar a escala da vossa área de residência 

e) Telefonam para as todas as farmácias, às 2h da madrugada, e se alguma atende, perguntam: "Está de serviço?" arriscando-se a que, do outro lado, respondam: "Não, eu gosto tanto do meu emprego que passo cá a noite!"

 

21
Fev19

Coisas que não entendo

Charneca em flor

Para quem não sabe, eu sou farmacêutica e trabalho numa farmácia quase há 20 anos. O  meu dia de trabalho é recheado de peripécias. Ontem ocorreu uma cena recorrente que eu nunca consigo entender. Vejam lá se percebem:

 

Utente - e dê-me também 1 caixa daquele medicamento para a diarreia que se dissolve na boca.

 

Eu coloco o medicamento em causa, Imodium Rapid, em cima do balcão.

 

Utente pegando na caixa e mostrando intenção de ver o blister - Posso ver?

 

Eu - Por enquanto, pode. De futuro os medicamentos vão passar a vir selados. 

 

Utente - É isto mesmo 

 

Eu, pensando - Obviamente que é esse. Não existe outro com essas características.

 

Utente - Quanto custa?

 

Eu - x,xx €.

 

Utente - Ah, é muito caro.

 

Eu - Existe a mesma substância mais barata porque é genérico, só que são cápsulas para engolir.

 

Utente - Ah, então mostre-me.

 

Lá fui buscar o genérico já com a paciência a diminuir.

 

Utente perante a caixa - Posso ver?

 

Abriu a caixa, olhou para o blister, virou-o de um lado para o outro.

 

Utente pegando no Imodium Rapid - Afinal levo este.

 

Nunca consigo entender porque é que as pessoas têm necessidade de ver o medicamento por dentro. Se eu já tinha explicado as características do 2o medicamento, qual é a necessidade de olhar para o medicamento? Será que a utente queria ver se gostava da cara das cápsulas? Será que só de olhar para ele percebe o efeito que faz? Juro que não entendo.

 

24
Jan19

Colegas de trabalho ou amigas

Charneca em flor

maos-dadas_thumb.jpg

 

Quando li esta entrevista da Joana, houve uma pergunta, e consequente resposta, que me chamou a atenção e que me fez pensar. A dada altura a querida Joana diz o seguinte:

"Para mim era mais do que normal estar a trabalhar e não sentir qualquer necessidade de fazer amigos. Na minha cabeça sempre esteve muito bem definido a diferença entre trabalho e amizade. É óbvio que se pode juntar mas não tem de acontecer porque são coisas diferentes."

Comparei a atitude da Joana em ambiente de trabalho com a minha postura. Trabalho quase há 20 anos no mesmo local. Alguns dos colegas foram mudando mas o núcleo principal foi-se mantendo. Com tantos anos e passando mais horas com as colegas do que com a família (descontando as horas que estamos a dormir) foi inevitável que se fosse construindo uma relação de amizade, quase de família. Muitas vezes cai-se num excesso de confiança. Com tudo o que isso tem de bom e de mau. 

Falando por mim, eu só me sei dedicar a 100% às pessoas e penso sempre o melhor de cada um até que me provem o contrário. Quando os dias não correm de feição e os conflitos se acumulam começo a pensar em qual é a atitude mais saudável. Surgem dúvidas na minha cabeça e penso que, se calhar, a Joana é que tem razão. As relações de trabalho e de amizade não se deviam confundir. 

20
Jan19

Foto da semana 3/52

Charneca em flor

IMG_20190115_164642.jpg

Esta foi uma semana com poucas fotos mas com 2 aniversários. Esta imagem reverte para o aniversário da patroazinha. Ela nem gosta muito de fazer anos mas nós fazemos sempre uma festa , modesta mas ainda assim uma festa. Este ano até teve direito a 2 bolos, quer dizer um foi feito por ela. Em primeiro plano, estão uns excelentes caracóis de canela feitos pela aniversariante que eram enriquecidos com um molho de mascarpone (vêem-se 2 versões porque 1 delas é isenta de lactose). Por coincidência, nesse dia recebemos a visita de um delegado comercial que lhe trouxe um bolo de chocolate com velas e tudo. É claro que tivemos que lhe cantar os parabéns. 

Resumindo, foram só facadas na dieta.

11
Jan19

Irritações #5

Charneca em flor

É verdade que este ano eu me queria dedicar à gratidão como se pode comprovar pela minha adesão ao desafio da Maria das Palavras. Mas ontem fui "contaminada" pela irritação. Aconteceu no meu trabalho. Julgo que a maioria dos meus leitores sabe que sou farmacêutica. A época das gripes e das constipações está em pleno. Para além da panóplia de medicamentos não sujeitos a receita médica que já existem, foram lançados 2 novas fórmulas que têm a particularidade de se poderem beber com água quente como se fossem um chá. Como a pessoa responsável pelas compras não considerou que esses medicamentos tivessem qualquer mais-valia em relação aos que já existiam resolveu não os comercializar. A composição é à base de paracetamol e um anti-histamínico, ou seja, idêntico a todos os outros. A única diferença é ser dissolvido em água quente ou fria. Qualquer um dos outros, se for tomado com um chá, faz exactamente o mesmo efeito. Só que já apareceram várias pessoas a pedir os tais medicamentos novos. Fiquei na dúvida: as pessoas já não sabem, ou não querem, fazer um chá de limão com mel ou o marketing é mesmo muito poderoso?!

cha-de-limao-mel-620x330.jpg

 

O que me irrita é a possibilidade de as pessoas, cada vez mais, quererem tudo instantâneo. Fazer um chá requerer algum tempo e a voragem dos dias já não se coaduna com este ritual. Será que é isto?

06
Dez18

Incongruências #6

Charneca em flor

cofres_nocturnos_02.jpg

Há coisas que eu não entendo. Durante o horário normal da farmácia, a grande maioria dos utentes quer factura com NIF mas durante o serviço acontece precisamente o contrário. Será que as pessoas ficam intimidadas com o postigo de atendimento ou acham que pagam mais se pedirem NIF na factura?!

05
Ago18

"Plantão" em noite quente

Charneca em flor

Ontem foi dia de serviço na farmácia desde as 9h da manhã até às 9h da manhã de hoje, domingo. Embora também tivesse atendido umas quantas receitas, estas 24 h de trabalho podem-se resumir:

- Protectores solares

- Repelentes de insectos

- leite para bebé 

- Sexo e derivados - inclui preservativos, pílula do dia seguinte e até lubrificantes durante a madrugada. Deve ter sido uma noite escaldante ali nas redondezas.

 

Para não falar do casal que tocou ininterruptamente durante todo o tempo que levo do espaço de descanso até à porta. Até fiquei com o batimento cardíaco acelerado. Meus senhores, a campainha é irritante o suficiente. Um toque leve, ou dois, é mais que suficiente. Mas, ao menos, amanhã estou de folga.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Blogs de Portugal